Paletas de 9 sombras Ruby Rose
Maquiagem
Paletas de 9 sombras Ruby Rose
Paleta Sunflower Bru Tavares
Maquiagem
Paleta Sunflower Bru Tavares
swatches da base ruby rose natural look
Maquiagem
swatches da base ruby rose natural look
Novas máscaras FOREO UFO
Beleza
Novas máscaras FOREO UFO
Lançamento: Tudo sobre o Anthelios Color Dose da La Roche-Posay
Beleza
Lançamento: Tudo sobre o Anthelios Color Dose da La Roche-Posay
Resenha: Base Flawless Skin Cushion da Klasmé
Maquiagem
Resenha: Base Flawless Skin Cushion da Klasmé
CabelosPasso a passo de 3 penteados rápidos para tirar o cabelo solto da mesmice
FotografiaDicas para fotografar silhuetas
Moda

10 motivos para ver “The True Cost” – documentário que expõe os impactos do mundo fashion

em 24/08/2015 por Bia Yzawa

10-motivos-para-ver-the-true-cost-EAB-capa

A maneira como a moda é abordada tem mudado nos últimos anos e, felizmente, cada vez mais temos acesso a informações que antes podiam passar despercebidas. O consumo exacerbado, os impactos ambientais das indústrias têxteis e o resultado dessa produção excessiva de roupas são alguns dos assuntos em voga.

The True Cost – “O Verdadeiro Custo” –  é um documentário recente que aborda essas questões. Estreado no Brasil no final de maio desse ano, são 92 minutos que servem como um “tapa na cara”.

 

E por que ver? Listo aqui alguns motivos:

1. É sobre roupas. E todos nós usamos. Ou seja, somos todos participantes desse processo e não podemos apenas olhar para essas questões como se fossem problemas distantes de nós.

2. Oferece um outro ponto de vista do universo fashion. E não é nada glamouroso.

10-motivos-para-ver-the-true-cost-EAB-2

3. Mostra porque não é uma boa ideia comprar aquela peça muito baratinha.

4. Nos faz refletir sobre esse sistema no qual algumas empresas ganham rios de dinheiro, mas a custo do quê?

5. O documentário não apenas expõe o lado crítico da indústria fashion, mas também oferece alternativas que todos nós podemos fazer: tanto o empresário, quanto o consumidor.

10-motivos-para-ver-the-true-cost-EAB-3

6. Mostra a importância da gente saber onde a peça foi fabricada. E vai entender também o motivo de ser feita em lugares tão distantes.

7. A preocupação ambiental não é apenas com as fumaças visíveis que saem das chaminés das fábricas – o material que está em contato com a nossa pele, aparentemente ingênuo, pode ser um dos maiores responsáveis pela contaminação do solo.

8. Num ano em que os paulistanos sofrem com a falta de água, esse documentário acrescenta mais um ponto de reflexão: Você sabe como são os rios próximos aos pontos de fabricação de tecidos?

10-motivos-para-ver-the-true-cost-EAB-1

Imagens: reprodução

9. Reflexão sobre nossos comportamentos e desejos: até que ponto você realmente precisa comprar mais uma roupa? E o que acontece com as peças descartadas?

10. Se você precisava de uma ajuda para frear o consumismo, você vai encontrar vários motivos ao longo desses 92 minutos.

 

Até mesmo para quem acompanha essa lado B do mundo fashion, acredito que o documentário ainda acrescenta informação. Ou seja, vale a pena assistir.

Mais informações sobre o documentário na página oficial.

Gostou desse post?
Cadastre-se e receba todas as nossas dicas, artigos e tutoriais por email!
Conversa com a gente
  1. Avatar
    Franci Pacheco
    28/08/2015 às 13:47

    Adorei, já quero assistir

  2. Avatar
    26/08/2015 às 14:15

    Quero muito assistir <3 Post super válido! http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

  3. Avatar
    25/08/2015 às 23:08

    Muito bom o post… já estou refletindo bastante aqui!!!

  4. Avatar
    25/08/2015 às 13:09

    Já está na minha lista do Netflix, quando tiver um tempinho vou assistir. http://www.alemdolookdodia.com

  5. Avatar
    Queila
    25/08/2015 às 10:25

    Vi o documentário semana passada e é realmente impactante. Mas…vocês não acham contraditório indicar aqui no blog este documentário sendo que vocês blogueiras são, na grande maioria, disseminadoras desse consumismo desenfreado? Todo mês, por exemplo, apresentam vídeos de “comprinhas”, e percebe-es claramente que são coisas que vocês não precisavam ter comprado e das quais não tinham necessidade, o que ajuda apenas a incentivar outras meninas (principalmente as mais jovens) a seguirem seu caminho de consumismo. Contraditório, não? Fica parecendo “o documentário é lindo, tem informações super importantes e chocantes, mas assistam e não parem de comprar, tá?”. Pensem nisso…

    • Avatar
      25/08/2015 às 20:58

      Oi, Queila! Acredito que quanto mais a gente puder disseminar a informação dos impactos causados, melhor vai ser para todos nós. Também estou na “vibe” de frear o consumo já faz algum tempo e existem muitos canais que tratam desse assunto. Precisamos sim parar de comprar tanto e acredito que a Internet tem espaço para tudo, tanto para quem quiser assumir essa postura de “compre mais”, como também para quem quer usar o blog como meio de informação.

  6. Avatar
    24/08/2015 às 21:07

    Adorei o post…

  7. Avatar
    24/08/2015 às 20:32

    Vou assistir, realmente é importante sabermos um pouco mais sobre todo o processo até chegar nas lojas e o seu preço, e vermos o que tem por trás disso tudo :)

    • Avatar
      25/08/2015 às 20:59

      Sim, Maju! É muito bom ter acesso a esse tipo de informação. :D

  8. Avatar
    24/08/2015 às 20:30

    Esse documentário é um belo tapa na nossa cara. Assisti assim que saiu no Netflix. Super recomendo a leitura,

    http://www.atesemsalto.com