TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Beleza
TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Maquiagem
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Batom Líquido – Vizzela
Beleza
Batom Líquido – Vizzela
Lip Oil – RubyRose
Maquiagem
Lip Oil – RubyRose
Batom Power Bullet Matte – Huda
Beleza
Batom Power Bullet Matte – Huda
A SouSmile Funciona?!
Beleza
A SouSmile Funciona?!
OffVem ter um Natal mais feliz com O Boticário
Morando SozinhoDIY: Ideias de última hora para sua festa de Ano Novo

Birth_Control_Pills

Saúde

Exames que você precisa fazer antes de tomar anticoncepcional

em 26/12/2016 por Gleici Duarte

A maioria de nós acaba entrando em contato com anticoncepcional oral sem muitas informações ou orientações. Compramos o mesmo que a nossa amiga toma ou ganhamos uma receita após alguns minutos com um ginecologista e é isso.

Mas você sabia que o anticoncepcional não é indicado pra todas as mulheres? Sabia, também, que existem exames que devem ser feitos antes de iniciar o uso da pílula?

O etinilestradiol, componente de todos as pílulas anticoncepcionais (exceto minipílula), induz alterações significativas no sistema de coagulação sanguínea, levando a um aumento do risco para desenvolvimento de trombose venosa e arterial.

Pesquisas recentes mostraram risco 2x maior para trombose venosa com o uso de contraceptivos orais combinados que contenham progestagênios de terceira geração (norgestimato, desogestrel e gestodeno) comparado com os de segunda geração (levonorgestrel). O uso indiscriminado de anticoncepcional significa um risco à saúde de nós mulheres e muito pouco se é falado nos consultórios.

Você deve ter cuidado ao usar anticoncepcional:

  • Se tem mais de 35 anos e fuma;
  • Nível de colesterol alto (LDL > 160mg/dL);
  • Enxaqueca com ou sem aura (aumenta de duas a três vezes o risco de AVC).

Esses são fatores que por si só indicam uma predisposição a problemas circulatórios, e se estão associados, o risco complicações aumenta.

É risco inaceitável:

  • Pressão arterial não controlada;
  • Histórico de AVC, doença cardíaca, trombose, embolia pulmonar;
  • Câncer de mama ou histórico familiar.

Segundo o American College of Obstetricians and Gynecologists, os problemas acima indicam a contraindicação do uso de anticoncepcional oral, injetável ou implante pelo alto risco de formação de trombos, embolia pulmonar e acidente vascular encefálico.

Exames necessários

  • Mutação fator V de Leiden;
  • Mutação de protrombina G2010A;
  • Deficiência de proteína C, S ou protrombina.

Os exames acima são capazes de indicar se há risco de problemas de coagulação com o uso do anticoncepcional. Eles são feitos apenas uma vez, e se você nunca fez, peça ao seu médico para fazer.
Alterações nesses exames aumentam em até 8x risco de trombose venosa profunda, embolia pulmonar e AVE.

Mesmo que você já tome anticoncepcional há muito tempo, é importante ficar de olho em todos esses fatores de risco.

Referências:

Gostou desse post?
Cadastre-se e receba todas as nossas dicas, artigos e tutoriais por email!
Conversa com a gente
  1. Avatar
    Kééh Vieira
    07/10/2017 às 18:34

    Eu descobri a poucos dias que tenho síndrome do ovário policisto, e a médica me indicou uma porrada de exames antes mesmo de passar um anticoncepcional

  2. Avatar
    Franci Pacheco
    29/12/2016 às 13:47

    nunca tinha ouvido falar nesses exames, fiquei meio chocada com isso!