TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Beleza
TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Maquiagem
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Batom Líquido – Vizzela
Beleza
Batom Líquido – Vizzela
Lip Oil – RubyRose
Maquiagem
Lip Oil – RubyRose
Batom Power Bullet Matte – Huda
Beleza
Batom Power Bullet Matte – Huda
A SouSmile Funciona?!
Beleza
A SouSmile Funciona?!

running-pony

Cabelos

Cuidados com o cabelo na academia

em 10/02/2017 por Gleici Duarte

Durante o exercício físico, é inevitável ficar incomodada com o suor nos cabelos, mas quem é adepta a atividades físicas não vê muitos empecilhos nisso. Saiba que cuidados com o cabelo na academia são fundamentais pra manter a saúde dos fios, além de amenizar os dados do suor, quebra e também o aspecto de sujeira.

Há sal, eletrólitos e gordura que são liberados durante a transpiração e que ficam em contato direto com o couro cabeludo. Essas substâncias, além de emplastar e embaraçar os fios, ressecam os cabelos que são mais finos e também deixam uma oleosidade na raiz.

Mas lavar o cabelo todos os dias é incompatível com a rotina e necessidade de muitas mulheres, então é necessário observar como o cabelo reage após o suor secar e remodelar os fios, penteando ou estilizando. As dicas gerais são:

Prenda o cabelo

Além de trazer mais segurança na execução dos movimentos, o cabelo preso evita o contato excessivo com o suor do couro cabeludo e também da região da nuca, pescoço e ombros. Faça um rabo de cavalo alto ou mesmo um coque, evitando elásticos que apertam muito as mechas para evitar quebras.

Cremes para cabelos ressecados

Quem tem cabelo seco não consegue lavar os cabelos todos os dias, logo, o cuidado com o ressecamento do suor pode ser driblado com cremes sem enxágue ou óleos nas mechas antes de prender o cabelo. Observe como o cabelo reage após o suor secar e ajuste a quantidade de produto conforme achar necessário.

Shampoo a seco para cabelos oleosos

Dependendo do grau de oleosidade, é inevitável lavar os cabelos todos os dias. Mas pra quem consegue alternar os dias de lavagens, shampoo a seco é uma alternativa bacana pra deixar a raiz fresca e limpa quando a lavagem não for desejada. Veja este post sobre O que é Shampoo a seco.

Massageie o couro cabeludo

Durante a lavagem, o foco deve estar no couro cabeludo e não nas pontas. Limpar os poros e enxaguar bem garante uma boa desobstrução dos poros e saúde do crescimento capilar. Evite shampoos muito agressivos e use máscaras hidratantes nas pontas para garantir brilho e maciez.

Não durma com o couro cabeludo úmido

Lavando ou não, tenha cuidado com a umidade na cabeça para evitar a proliferação de fungos. Seque os cabelos com um secador, com os dedos entre a raiz, sacudindo bem. Meu cabelo, por exemplo, reage bem sem lavagem, mas sempre deixo o couro seco pra evitar mau cheiro e problemas maiores.

Conclusão: O ponto principal da postagem não é demonizar o suor. Ele é fisiológico e natural. Temos que ter em mente que os cuidados com as madeixas antes, durante e após o exercício contam mais do que a simples exposição à transpiração.

Observe seu cabelo, cuide da sua rotina e teste maneiras diferentes de lidar com os cuidados.

Depois conta pra gente como funciona pra você, ok?

Young woman running, Sweden.
Comportamento

Porque odiamos academia e dicas para começar a se exercitar

em 23/11/2016 por Gleici Duarte

Eu odeio academia. Nós temos um relacionamento problemático há anos, e nunca foi algo estável e duradouro. Eu, que estou acima do peso e sou assim desde que me entendo por gente, sempre achei um ambiente extremamente agressivo (ao menos em um primeiro momento). Agressivo porque não nos sentimos bem ou adequadas para estar ali. Nossas séries são diferentes, as pessoas subestimam o que conseguimos fazer ou ficam observando nossos erros.

Me sinto realmente péssima. Há meninas que conseguem achar aulas mais adequadas ou estruturas menos opressivas e não enxergam a academia como um lugar inóspito a gordinhas, mas eu infelizmente nunca senti isso.

Ter uma vida saudável não tem segredo além de uma alimentação bacana e atividade física. O problema é que sempre focamos apenas na estética de tudo isso, buscando dietas insustentáveis ou exercícios que não gostamos, logo, é uma receita fadada ao fracasso. Hoje eu descobri como sentir a atividade física como algo prazeroso, e isso só aconteceu saindo dos exercícios engessados em máquinas de repetição dentro de uma academia.

Crie metas

lista-de-objetivos

Independente da atividade que pretende fazer, comece aos poucos e vá observando o seu rendimento. Pense que em dois meses você quer conseguir alcançar ritmo x, ou em três meses progredir na distância da corrida, etc. Sempre que possível, estude essas metas com um educador físico.

Playlist é fundamental

playlist

Eu não suporto fazer exercício se não estiver tocando É o Tchan, sabe? Tem que ser uma música que te anima e te dá empolgação. Quando sinto preguiça de ir me exercitar, coloco minhas músicas em casa para ir me preparando e animando. As playlists podem ser legais também para cronometrar seu tempo de exercício.

Uma excelente dica para montar suas playlists são os apps Spotify e Deezer.

Caminhadas e corridas

running

Caminhada é o exercício mais democrático e fácil de fazer. Comece aos poucos, com distâncias curtas e vá seguindo no seu ritmo. Evite correr ou puxar o ritmo se não se sente preparada, e se sentir qualquer dor, procure um médico e educador físico.

Lutas

lutar

Sempre tive vontade de praticar alguma luta, porque além de ser um excelente exercício, te passa conhecimentos sobre esportes e sobre seu corpo e evolução. Dependendo da sua cidade, existem academias específicas para lutas com professores mais qualificados. Vale a pena perguntar a amigos e pedir referências sobre lugares com atividades e preços bacanas.

Saindo da rotina de academia

rotina-academia

Na minha cidade há uma febre louca por CrossFit, atualmente eu tenho feito treino funcional e estou amando. A academia que frequento é especializada em treino funcional, logo, as atividades não são individualistas em máquinas e existe todo uma interação em grupo. Me dá bastante orgulho ver o corpo evoluindo, sem cair no tédio ou me sentir inferior por não fazer algo. As cargas e repetições são adequadas para cada tipo de pessoa.

Procure profissionais

Vale a pena procurar um profissional para ajustar suas metas àquilo que você pode fazer agora, alinhado com sua rotina e realidade. Nutricionistas, médicos e educadores físicos tão aí pra nos passar segurança e evitar problemas de saúde.

E aí? Já segue alguma dessas dicas? O que melhor funciona pra você?