TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Beleza
TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Maquiagem
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Batom Líquido – Vizzela
Beleza
Batom Líquido – Vizzela
Lip Oil – RubyRose
Maquiagem
Lip Oil – RubyRose
Batom Power Bullet Matte – Huda
Beleza
Batom Power Bullet Matte – Huda
A SouSmile Funciona?!
Beleza
A SouSmile Funciona?!

destaque-post-alimentos-que-os-cachorros-não-podem-comer

Pets

Alimentos que seu cachorro não pode comer

em 31/01/2017 por Karen Bachini

Não tem ser humano que resista a carinha de “pidão” que o cachorro fica quando está implorando por comida. O problema é que existem uma porção de alimentos que os cães não podem comer de jeito nenhum e que a gente precisa firmemente dizer não. Olha só a lista:

Pães e massas

pães-e-massas

Todo alimento que vai fermento é um verdadeiro veneno para o seu cão. Quando ingerido, ele causa gases, incha o estomago e provoca distensão nas alças intestinais. Outras massas como macarrão, lasanha e pizza também devem passar longe do seu bichinho.

Doces

açucar-e-doces

Já vi muita gente dando chocolate, sorvete e até bolo de aniversário para seus cachorrinhos. Só que isso não é nada bom. Assim como nos seres humanos, o açúcar também pode levar os bichinhos à obesidade. Sem contar que a substancia causa problemas nos dentes e até diabetes. O oxilitol (substancia muito comum em alimentos adoçados) pode provocar vômitos, perda de coordenação e até convulsões nos cães. Muito cuidado!

Café, chá preto e energéticos

cafes

Assim nos seres humanos, a cafeína também estimula os cachorros deixando-os mais acelerados, só que o que pra nós pode ser inofensivo, para os cães pode gerar um problema enorme, tanto no cérebro quanto na frequência cardíaca. Não preciso nem dizer que o mesmo vale para os energéticos, né?

Bebidas alcoólicas

drinks

Depois que inventaram cerveja pra cachorro não tem o porquê você ainda querer dar bebidas alcoólicas pra seu melhor amigo. O álcool pode causar diarreia, vômito, depressão do sistema nervoso central, tremores, problemas respiratórios e no sangue. Não é raro ouvir histórias de cães que morreram depois de ingerir bebida alcoólica por causa do descuido do seu dono.

Laticínios 

leite-e-iogurt

Iogurte, requeijão, manteiga e todo quanto é alimento que contém lactose não são bem digeridos pelo animalzinho. O leite e seus derivados podem causar diarreia, vômito e coceira.

Alho e Cebola

alho-e-cebola

É muito comum dar arroz para os cachorros ao invés de ração, mas se você costuma fazer isso, procure cozinhar o alimento sem alho ou cebola. Esses ingredientes podem causar irritação no estomago e no intestino, prejudicando as células vermelhos do sangue do seu animal.

Nozes Macadâmia e outras sementes

sementes

A noz macadâmia precisa ser evitada porque afeta os músculos, o sistema digestivo e o sistema nervoso dos cachorrinhos. Os sintomas mais comuns são fraqueza, tremores, vômitos, hipertemia (aumento da temperatura do corpo) e até paralisia. Deixe suas nozes longe dos bichinhos!

Carne, frango ou peixe cru

carne

Seu amigo não pode comer sushi, sorry! Assim como nos seres humanos, os alimentos crus podem causar intoxicação alimentar por causa de bactérias. Sem contar que pode prejudicar a saúde da pele e da pelagem do bichinho.

Frutas cítricas e com sementes

frutas

Frutas ácidas como a laranja e o abacaxi fazem muito mal ao estomago do seu cachorro. Da mesma forma, as frutas com sementes (isso inclui o tomate) também precisam ser evitadas, já que elas podem causar inflamação e obstruir o intestino delgado. Coloquei abaixo a relação de frutas que seu animal pode ou não comer:

frutas-que-pode-e-não-pode-dar-pro-cachorro

Pets

Massagem em cães, você conhece?

em 11/07/2015 por Sara Favinha

massagem-cachorro-como-fazer (1)

Que quase todo mundo adora uma massagem, disso a gente já sabe! Mas você sabia que os pets também podem gostar muito e que esse toque diário pode trazer vários benefícios para ele?

Benefícios da massagem

  • Acostumar o cão à ser tocado: os cães são tocados em vários momentos como por exemplo  ida ao veterinário, no banho e tosa, por pessoas desconhecidas na rua, crianças. Acostumar desde cedo o seu cãozinho a aceitar o toque em todas as partes do corpo vai ajudá-lo muito a encarar essas situações com naturalidade.
  • Estreitar os laços entre dono e cão: a gente sabe que o toque é a forma mais simples e rápida para estabelecermos relacionamentos agradáveis e de confiança mútua, então quanto mais você tocar seu cão de forma prazerosa, maior vai ser a cumplicidade entre vocês.
  • Promover relaxamento no pet: assim como conosco, a massagem e o toque trazem calma, tranquilidade e uma maravilhosa sensação de relaxamento. Eles podem ser usados para ensinar seu cão a ficar calmo em determinadas situações, depois de ter associado o toque à essa sensação de tranquilidade.

Existe uma técnica de massagem especialmente desenvolvida para animais, criada pela americana Linda Tellington, que se chama Tellington Touch ou Ttouch e já está bem difundida entre treinadores de animais do mundo todo, trazendo resultados fantásticos.

Você não precisa ser um expert em massagem para conseguir vários benefícios com seu cão. Então vou te passar algumas orientações de como fazer uma massagem que seu cão vai adorar!

massagem-cachorro-como-fazer (2)

Como fazer massagem no seu cão

  • Preparação do ambiente: é preciso que o cão esteja em um ambiente conhecido a que ele esteja acostumado. Escolha um local ou cômodo isolado, sem a presença de pessoas transitando.
  • Caminha ou tapetinho: providencie uma caminha ou um tapete para que seu cão fique confortável.
  •  Esteja calmo: se você estiver agitado mentalmente, seu cão vai perceber e provavelmente vai ficar agitado também, tendo dificuldade de deitar e relaxar.
  • Nunca force: não force seu cãozinho a receber massagem caso ele não queira. Isso pode fazer com que ele passe a evitar ser tocado.
  • Seja delicado (a) e gentil: é importante que você comece a massagem por onde o cão gosta de ser tocado, abaixo da cabeça, na barriguinha, nas costas. Aos poucos você vai passando para pontos mais delicados como orelhas, patas e rabo. Toque suavemente e de forma bem tranquila.
  • Para cães de pêlos longos, você pode puxar suavemente os pêlos abaixo do queixo e no peito do animal. Isso promove um grande relaxamento! Faça o teste no seu cabelo, puxe delicadamente a pontinha dele e verá como é gostoso.
  • Não desista na primeira tentativa: é natural cães que nunca receberam massagem não aceitarem bem na primeira tentativa. Não desista, é assim mesmo!
  • Crie uma rotina de cuidados: determine um horário 2,3 ou 4 vezes por semana, dependendo da sua disponibilidade, para que exista esse momento entre você e seu melhor amigo. Aproveite para ir inserindo gradualmente coisas como limpeza de ouvidos, escovação de dentes, escovação dos pêlos e limpeza das patas. Você vai perceber que cada a cada dia seu cão aceita melhor e fica mais confiante e relaxado.

Dê uma olhada nesse vídeo, com uma demonstração de alguns toques que você pode usar e também a referência de como precisa ser a sua movimentação:

Quando você se der conta, verá como esse momento com seu cão também é maravilhoso para você, ao mesmo tempo que ele relaxa, você também relaxa e isso pode se transformar em uma verdadeira terapia!

Caso seu cão esteja oferecendo muitos Calming Signals como bocejar e lamber a boca (clique nos links para ver os posts), dê um tempinho, aguarde alguns minutinhos e recomece novamente por uma parte do corpo que ele aceita melhor.

Boa sorte e espero que você e seu cãozinho aproveitem bastante! Me conta como foi essa experiência pra vocês. :)