TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Beleza
TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Maquiagem
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Batom Líquido – Vizzela
Beleza
Batom Líquido – Vizzela
Lip Oil – RubyRose
Maquiagem
Lip Oil – RubyRose
Batom Power Bullet Matte – Huda
Beleza
Batom Power Bullet Matte – Huda
A SouSmile Funciona?!
Beleza
A SouSmile Funciona?!

urby-serum-anti-envelecimento-resenha-mantecorpskincare01

Beleza

Resenha: Sérum Urby Anti-Envelhecimento da Mantecorp

em 04/07/2017 por Karen Bachini

Há algum tempinho atrás, quando percebi que estava na hora de começar a cuidar melhor da minha pele, eu visitei a minha dermatologista e ela me passou vários produtinhos de dermocosméticos pra usar todos os dias. Entre eles estava o Urby, um sérum anti-envelhecimento da Mantecorp Skincare, que logo virou um dos meus queridinhos.

Sérum Urby Anti-Envelhecimento

O Sérum Urby foi desenvolvido justamente para combater os sinais visíveis do envelhecimento da pele que podem ser causados por vários motivos além da idade – como o estresse, noites maldormidas, alimentação ruim, poluição, radiação solar e tudo mais.

urby-serum-anti-envelecimento-resenha-mantecorpskincare02

Ele combina vários antioxidantes que têm ação:

  • antiradicais livres;
  • antipoluição;
  • anti-inflamatória
  • antiglicação;

Tudo isso para deixar nossa pele mais iluminada, hidratada e saudável! Ah, e ele também tem Microesferas de Resveratrol e efeito liftEm outras palavras, o Urby é completinho! Ele é indicado para todos os tipos de pele e para todas as idades. O uso é diário.

urby-serum-anti-envelecimento-resenha-mantecorpskincare05

Minha experiência com o Sérum Urby

A maioria dos produtos anti-idade que eu uso, uso na esperança de que eles darão bons resultados no futuro. (É quase uma questão de fé, afinal, só vou saber se funcionou mesmo quando eu estiver lá com meus 50 anos com pele de 25, né não?). 

Mas o Sérum Urby é um dos únicos que eu consigo ver um resultado na hora. Assim que eu aplico eu sinto a textura da minha pele melhor, mais macia, muito mais iluminada e lisinha. Acho que foram essas coisas que mais me conquistaram nesse produto (não só esse sérum, mas também o Urby para olhos (R$139) da mesma linha que já tá no fim, coitado).

Como eu aplico?

Como o sérum tem uma textura super levinha, o ideal é aplica-lo depois limpar e tonificar a pele e antes do hidratante. Então eu primeiro lavo minha pele com a Foreo (já falei sobre ela aqui e aqui) e com um sabonete facial, aí eu aplico um tônico, e em seguida uso o Urby para Olhos pra só depois aplicar o Sérum Urby em todo o rosto.

urby-serum-anti-envelecimento-resenha-mantecorpskincare04

A importância de ir ao dermatologista

Conhecer a sua pele é o primeiro passo pra você cuidar dela direito. E não existe forma melhor de conhecê-la do que conversando com um dermatologista. Com certeza ele vai fazer um diagnostico mais completo e te orientar da melhor maneira para que você tenha uma pele sempre bonita e saudável.

Onde encontrar a linha Urby? 

Compre o Sérum Urby nesse link por R$145,90. Esse e os demais produtos da Mantecorp Skincare você também encontra em farmácias e drogarias do Brasil inteiro.

Se quiser conhecer outras linhas da marca, acesse o site www.mantecorpskincare.com.br ou a fan page oficial www.facebook.com/MantecorpSkincareOficial.

Espero que vocês tenham gostado dessa resenha, qualquer dúvida sobre o produto é só deixar nos comentários (:

duvidas-sobre-botox-1
Beleza

O que você precisa saber sobre Botox nas rugas

em 20/04/2016 por Karen Bachini

Quando falei a primeira vez que estava com vontade de colocar Botox nas rugas muita gente criticou e tentou me convencer de que eu não precisava disso. É claro que eu aceitei tudo isso como um elogio, mas sabe o que eu percebi? Que na verdade muita gente não sabe o que colocar Botox significa. Pensa que é uma cirurgia ou um processo estético invasivo indicado somente pra quem já passou dos 50, quando na verdade não é nada disso…

Aproveitei então minha consulta com a minha dermatologista, Dr. Vanessa Metz, no Rio de Janeiro, para esclarecer algumas duvidas sobre Botox e deixar tudo bem explicadinho nesse post para quebrar “tabus” e, principalmente, ajudar a clarear a mente de quem tem vontade de fazer, mas não sabe se deve ou não.

Bom, aqui vão algumas das perguntas mais frequentes:

Afinal, o que é Botox?

Botox nada mais é do que uma toxina (toxina botulínica) que paralisa o nosso músculo para evitar as contrações que formam as rugas dinâmicas. Essas rugas dinâmicas são os movimentos que o rosto faz quando falamos, rimos, choramos, ficamos bravas e etc. É por isso que o Botox é também considerado um tratamento preventivo, porque ele é aplicado ANTES que as rugas se formem – amenizando as que já estão começando a aparecer e prevenindo as futuras.

Onde e como ele é aplicado?

Botox-nas-rugas-(1)

Ele pode ser aplicado na testa, entre as sobrancelhas, nos pés de galinha, ao redor da boca, no nariz e no pescoço. Ele é aplicado no músculo do rosto (aquele que faz o vinco quando se contrai) com agulhas pequenas e bem fininhas que tem uma camada de silicone protetor para amenizar a dor.

Mas dói muito?

Me considero uma pessoa muito sensivel a dor, e mesmo assim achei que não doeu muito. Até acho que acupuntura doí mais do que Botox… Sei que existe a possibilidade de usar uma pomada anestésica antes das injeções, mas não acho que vale a pena porque a pomada só vai “adormecer” a pele externa, mas nada vai fazer para ajudar a entrada da toxina (que é o que dói um pouquinho).

 A partir de quantos anos posso colocar? 

Os médicos falam que é a partir dos 25 anos que nossa pele começa a envelhecer, mas a Dr. Vanessa me explicou que isso varia muito de paciente para paciente… Tem gente que chega no consultório dela com 20 anos já com algumas ruguinhas para corrigir, e outras em que as rugas só começam a aparecer depois dos 30.

Isso significa que a idade não importa muito… Tanto que, em maior quantidade, a toxina também é utilizada em crianças que nasceram com paralisia infantil e adolescentes que tem hipertrofia, por exemplo. O que vai determinar se você pode colocar Botox ou não é tão somente a aparência da sua pele – se as rugas dinâmicas já estão te incomodando, por quê não? Lembrando que grávidas e pessoas com problemas neurológicos não podem usar, independente da idade.

Dá pra ver o resultado na hora? 

Não exatamente. Tem gente que consegue ver na hora, outras tem que esperar até 48h que é o tempo que o Botox começar a fazer efeito. O resultado final mesmo só pode ser visto com certeza depois de 14 dias da aplicação. Pra mim foi no dia seguinte, ficou do jeito que eu esperava!

Quanto tempo vai durar? 

Os médicos dizem que o efeito do Botox varia de paciente para paciente, mas em geral dura 3 meses. Algo muito importante de destacar é que, apesar de você poder reaplica-lo assim que o efeito acabar, isso não é o mais recomendado. Isso porque, como já foi dito, o Botox paralisa o músculo para que ele não se movimente durante aquele período… Se você passa muitos meses ou até anos sem movimenta-lo, logo ele pode enfraquecer.

Assim como um paraplégico fica com as pernas finas por não movimentar mais os seus músculos,  uma pessoa que passou anos aplicando e reaplicando o Botox sem nenhuma pausa pode chegar a uma certa idade com o rosto só pele e osso… Pra isso não acontecer, o ideal é colocar o Botox e, depois que o efeito acabar, ficar um ou dois meses sem nada antes de coloca-lo novamente para que o seu músculo tenha uma “folga” e oportunidade de se movimentar.

Como evitar o exagero?

Em algumas fotos de celebridades que rolam na internet, dá pra gente perceber direitinho que quando você exagera no Botox, o resultado é um verdadeiro desastre. Fica parecendo que você tentou fazer aquele #KylieJennerChallenge ou coisa parecida… Para evitar exageros, você precisa procurar um dermatologista de confiança, que tenha bastante experiencia nisso para te mostrar qual a quantidade exata que você precisa para que fique natural, sem que você perca a expressão ou tenha efeitos colaterais.

botox (1)

E qual a diferença entre botox e preenchimento? 

Dessa ultima vez que me consultei com a Dr. Vanessa, falei pra ela que estava bastante incomodava com a minha boca. Se reparar nas minhas fotos antigas (mas não reparar muito não, tá? haha) dá pra ver que que meu lábio superior sempre foi mais fino que o lábio inferior. Pra piorar, quando eu sorria o meu lábio de cima sumia para dentro da boca e eu me sentia horrível – principalmente quando estava de batom.

Como eu já tinha colocado Botox uma vez (tem post aqui) ao redor dos olhos e no nariz, achei que seria o caso de encarar as agulhas mais uma vez e colocar Botox também no lábio. Mas conversando com a médica ela me mostrou que o ideal nesse caso era preencher o meu lábio superior com ácido hialurônico ao invés de colocar Botox.

E como eu não fazia ideia da diferença entre os dois, perguntei se ela podia me explicar melhor. Ela me contou que o Botox é para as rugas dinâmicas enquanto o preenchimento com ácido hialurônico é um gel para as rugas mais profundas e para dar volume em áreas especificas do rosto, como debaixo dos olhos, maçã do rosto, lábios e etc. Seguindo as orientações dela, preenchi os lábios com o ácido que, diga-se de passagem, doeu pra caramba.

Esse ácido também não é definitivo e pode durar até 9 meses depois da aplicação. Isso acontece porque esse gel (que na verdade é uma proteína) é absorvido pelo nosso organismo que libera enzimas para combate-lo. Em locais onde a quantidade de gel é mais densa (como as maças do rosto, por exemplo) o efeito pode durar mais tempo do que nas rugas onde o gel é mais fluído e a quantidade aplicada é menor.

Se der errado? O que eu faço? 

Tanto no caso do Botox, quanto no caso do preenchimento, você sempre tem que conversar bastante com o seu médico antes de fazer. Se mesmo assim, alguma coisa não ficar legal e você não gostar do resultado, o mais indicado a se fazer não é processar nem sair atrás de outro médico para consertar que nem vai saber direito o que foi feito em você… O melhor é sempre voltar para o médico que fez o procedimento e conversar. Juntos vocês precisam compreender o que foi que deu errado e como melhorar.

Como o nosso rosto não é simétrico, pode acontecer de os lados dos nosso rosto reagirem ao Botox de maneiras diferentes, dando a impressão que está torto. Isso é bem comum e pode deixar muita gente frustrada achando que o médico errou na mão, sendo que não foi exatamente isso que aconteceu. Então fica aí a dica: converse bastante com seu dermatologista antes.

Conclusão

No fim das contas, o que eu aprendi com todo esse processo é que cada um sabe aquilo que está incomodando no seu próprio rosto quando olha no espelho. Tem coisas no nosso corpo que por mais que as pessoas não percebam faz a gente ficar encucada, chateada e as vezes até com autoestima lá embaixo, não é verdade? Por isso, optar por um procedimento estético como o Botox e o preenchimento não te faz necessariamente um pessoa fútil que não tem mais o que inventar…

Também aprendi que se a gente tem duvida, o melhor que fazemos é procurar informação de quem entende! Ficar só papeando sobre isso com as suas amigas durante o almoço pode só gerar mais duvidas do que certezas… Leia sobre isso, vá a uma consulta… descubra que não é nenhum bicho de sete cabeças!

E falando em procurar informação de quem entende, quero indicar um site mara pra isso… o DermaClub. Nesse site, um time enorme de profissionais da saúde escrevem artigos para esclarecer duvidas e desmistificar assuntos diversos.

Minha dermatologista também escreve vários textos e eu vou deixar alguns deles aqui embaixo para vocês lerem. Clique e confira:

Quem ainda tiver mais duvidas sobre Botox ou preenchimento, pode deixar nos comentários que eu o que eu não souber eu pesquiso HAHA Beijos!