TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Beleza
TOP 5 Bases Para Pele Negra!
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Maquiagem
Lápis Colorido Tie-Dailus!
Batom Líquido – Vizzela
Beleza
Batom Líquido – Vizzela
Lip Oil – RubyRose
Maquiagem
Lip Oil – RubyRose
Batom Power Bullet Matte – Huda
Beleza
Batom Power Bullet Matte – Huda
A SouSmile Funciona?!
Beleza
A SouSmile Funciona?!

cosdna-como-consultar6

Beleza

Skincare: Como usar o Cosdna para analizar cosméticos?

em 04/06/2018 por Karen Bachini

Quem já conhece meu novo canal, o Resenhas da Karen Bachini, deve ter percebido que em todos os vídeos eu cito o Cosdna como a minha principal fonte de pesquisa. Nesse site dá pra consultar cada um dos ingredientes e saber quais componentes oferecem riscos pra sua pele ou não.

Eu já sabia que esse era um tópico muito importante e por isso quis trazer no meu canal. Mas confesso que não esperava que vocês também fossem se interessar tanto pelo assunto. Agora, eu recebo todos os dias vários comentários pedindo pra eu explicar melhor como funciona o Cosdna e como consultá-lo. E é justamente pra responder a esses comentários que eu estou escrevendo esse post.

Como consultar o Cosdna? 

Como eu já conversei com vocês aqui nesse post, nem todos os cosméticos são confiáveis. Muitos deles possuem ingredientes duvidosos que podem dar espinhas, contribuir para o envelhecimento precoce da pele e até oferecer riscos para a sua saúde a curto e longo prazo.

“Ok, isso eu já sei” – você deve estar pensando. “Mas, e aí? Como eu faço pra usar o Cosdna?”. Calma, vou explicar. Pra consultar o Cosdna basta acessar www.cosdna.com.br, digitar o nome do produto na busca (ex: Base Studio Fix Fluid MAC) e, se o produto já estiver registrado no site, ver a lista de todos os ingredientes que o banco de dados do site te oferece.

cosdna-como-consultar-

Se o produto ainda não estiver registrado, você pode ir no menu na parte superior do site e clicar em Analyze CosmeticsO site vai te jogar em outra página pra você digitar os ingredientes no campo. (Esses ingredientes normalmente ficam registrados na embalagem ou caixinha do produto). Quando terminar é só clicar em Analysis.

cosdna-como-consultar3

Dica: Digite cada um dos componentes numa mesma linha, separando-os apenas com vírgula.

Um jeito mais fácil de fazer isso é entrar no site da marca, buscar o produto que você quer consultar, ir em descrição do produto ou ficha técnica e ver se tem a lista dos ingredientes por lá, assim você só copia e cola e evita a fadiga de ter que digitar, um por um, todos aqueles nomes esquisitos de componentes.

Feito isso, o CosDNA vai analisar cada um dos ingredientes por função e dar uma escala de 0 a 5 (e nessa escola quanto menor for o índice, melhor!) para os fatores:

  • Probabilidade de irritação;
  • Possibilidade de ser comedogênico (ou seja, de entupir os poros e dar espinhas);
  • Chances de fazer mal com o uso prolongado;

Esse último é o que eles chama de Safety, é a última coluna da tabela e nessa escala (que vai de 0 a 9) quanto maior for índice, mais prejudicial ele é!

cosdna-como-consultar4

Se a coluna estiver em branco, significa que o site não encontrou nenhuma informação sobre o ingredientes em seu banco de dados.

Dá pra registrar novos produtos? 

Sim! Se você está testando um produto novo, que acabou de chegar no mercado ou que seja nacional, e ele ainda não está registrado no CosDNA, você pode contribuir com o site e deixa-lo lá disponível pra busca.

É assim: faça um cadastro no site, crie um login e uma senha. A partir daí, toda vez que você analisar um produto que ainda não tiver registrado, você pode adicionar colocando o nome do produto, nome da marca e especificando onde você tirou essas informações (se da embalagem, do site da marca ou whatever).

cosdna-como-consultar5

Quando terminar de preencher, clique em Upload This Product.

Por que isso é tão importante? 

Há muitos estudos que provam que muitos componentes comuns em cosméticos fazem mal não só pra nossa pele, mas também pra nossa saúde como um todo. Pra você ter uma ideia de quão sério é isso, há alguns ingredientes que, dependendo da sua concentração na fórmula e o seu tempo de uso, podem até bagunçar o seu sistema endocrino! É por isso que eu não recomendo que você compre qualquer cosméticos, independente da marca, sem antes analizar muito bem os ingredientes e saber que tipo de substância está sendo aplicada na sua pele e, consequentemente, absorvida pelo seu corpo.

O meu novo canal de Resenhas foi criado exatamente com esse objetivo: ajudar vocês a desenvolver uma postura mais consciente ao comprar produtos – afinal, é a nossa saúde que está em jogo, não é mesmo?

sobre-ingredientes-composição2

Beleza

Como descobrir se um cosmético faz mal pra pele?

em 04/04/2018 por Karen Bachini

É triste dizer, mas vivemos num mundo onde nem todos os cosméticos são 100% confiáveis. Alguns possuem em suas fórmulas ingredientes bem duvidosos que podem fazer mais mal à nossa pele do que bem. Por isso acredito ser muito importante desenvolver uma postura mais consciente e pesquisar bastante sobre a composição antes de comprar qualquer produto.

Com isso em mente, desenvolvi meu próprio sistema à prova de ciladas que envolve muita investigação e senso crítico – afinal, não importa se o produto é de marca cara ou barata, se é nacional ou importado, o que importa é se seu uso vai ou não oferecer algum risco à saúde, seja a curto ou longo prazo.

Se você também quer começar a desenvolver esse senso crítico, tenho aqui um passo-a-passo que pode te ajudar. Então, vamos lá! Comece considerando:

Qual a função do produto? 

Antes mesmo de pesquisar a composição do produto, é importante saber exatamente qual é a sua função. Digo isso porque muitas vezes a gente se depara com ingredientes considerados ruins, mas que devido a função do produto não oferecem perigo algum. Um bom exemplo disso são as máscaras de cílios que muitas vezes apresentam ingredientes comedogênicos (ou seja, que entopem os poros). Isso seria um problema se o produto estivesse em contato direto com a sua pele e ficasse lá por longas horas, mas como se trata de uma máscara de cílios, não tem do que se preocupar.

O mesmo princípio se aplica para batons, delineadores, lápis de sobrancelha e etc. A não ser que seja um ingrediente cancerígeno ou que cause danos ao seu sistema endocrino, está tudo certo!  Também evite formulas com sulfatos (especialmente quando se trata de produtos de skincares) porque estes deixam resíduos na pele.

A composição

Agora que você já sabe a função do produto e onde ele vai ser aplicado, tá na hora de investigar os componentes que normalmente estão descriminados na embalagem. Costumo olhar um por um, pesquisando sua função, contra-indicações, riscos à saúde e etc.

como-pesquisar-ingredientes-cosmeticos1

A minha ferramenta favorita para essa tarefa é o www.COSDNA.com, um site muito completo em que você lista os ingredientes e ele te diz quais componentes podem te dar espinhas, se tem riscos de irritar sua pele, se tem muita fragrância na formula e até se pode causar algum dano à sua saúde com o uso prolongado. (Leia esse post pra aprender como usar a ferramenta.)

Além do Cosdna, tem outros sites que eu também indico. São esses:

A quantidade do ingrediente na fórmula

No topo da lista sempre tem os ingredientes que tem a maior concentração. Ou seja, os primeiros 5 ingredientes listados são cerca de 80% da fórmula. Eu gosto de analizar pelo menos os 10 primeiros, mas ingredientes como fragrâncias sintéticas eu não gosto de ver nas fórmulas em nenhum lugar.

  • Antes de concluir… 

É legal reforçar que os efeitos dos componentes na nossa pele também dependem da concentração, qualidade, processo e até de como os ingredientes reagem entre si.

Além disso, cada pele é diferente, algumas pessoas podem ter mais probabilidade de irritação do que outras, então a minha intenção é alertar vocês para que prestem mais atenção no que estão colocando na sua pele, mas quem faz o julgamento sobre se um produto é bom pra você ou não é VOCÊ. Não comece a achar que se um produto tem um ingrediente que pode causar acne ou irritação ele é ruim, porque nossa pele e prioridades são diferentes.

Sendo assim, mesmo depois de ter pesquisado sobre os componentes de uma produto, tenha em mente:

  • Suas prioridades no cuidado da sua pele
  • O que a sua pele pode tolerar
  • O quanto você pode gastar
  • Se há alguma outra opção de produto no mercado
  • O que é mais fácil de comprar
  • O quão problemático o ingrediente é

Fiz um vídeo me aprofundando um pouco mais sobre esse assunto lá no meu canal. Dá o play pra assistir:

Muitas dessas dicas eu aprendi nesse post aqui. se você lê em inglês vale a pena dar uma conferida na íntegra.

E aí? Gostou das indicações? Comente e compartilhe com quem você acha que também vai gostar dessas dicas! BEIJOS!